13/03/2016

The Arrival - Shaun Tan

(Sobre o livro: info, sinopse, etc.)
The Arrival explora a temática da imigração, propondo-se a discutir noções de pertencimento e identidade. Partindo dessa premissa, Shaun Tan, ilustrador australiano, faz uma série de boas escolhas narrativas que dialogam muito bem entre si:

1. Ausência completa de textos e diálogos. Aproximando-se da experiência do imigrante que ainda não domina a língua do país, o leitor precisa se virar para construir a história apenas a partir das ilustrações;

2. Shaun Tan não utiliza uma inspiração única, mas sim uma coletânea diversificada de fluxos imigratórios historicamente relevantes; de modo que não há a identificação de países específicos. O autor cria um lugar ficcional incrivelmente imaginativo, estranho e surreal (como os novos lares costumam parecer aos olhos de imigrantes recém-chegados) que acaba por aproximar a narrativa de uma história universal;


3. As cores das ilustrações - belas gradações de tons sépia - simulam livros e fotos antigas de imigrantes, e o projeto gráfico da edição (capa, contracapa, etc.) acompanha a analogia proposta pelas lindas ilustrações do autor;


4. As situações retratadas pelas imagens refletem uma gama variada de experiências (mais uma vez, contribuindo para o tom universal da narrativa): o desafio de comunicar-se em uma nova língua, a saudade da família que fica para trás, a árdua adaptação aos novos e diferentes costumes, as dificuldades para conseguir um emprego, as novas amizades...

E, apesar desses percalços e atribulações que costumam desafiar a jornada de muitos imigrantes, é plenamente possível, como demonstra Shaun Tan, que eles alcancem o sonhado final feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário